D&A

D&A

Anuncie Aqui

Publicidade

sexta-feira, 25 de outubro de 2013

Marinha participa do Exercício Emergência “Angra 2013”

Cerca de 650 militares da Marinha do Brasil participaram do Exercício Geral do Plano de Emergência da Central Nuclear Almirante Álvaro Alberto (CNAAA), de 10 a 12 de setembro, em Angra dos Reis (RJ).


A Força-Tarefa foi dividida nos seguintes grupos: grupo de evacuação, abrigo e interdição marítima; grupo de apoio aéreo; grupo de apoio terrestre; grupo de tratamento de radiocontaminados e grupo de ação cívico-social. O exercício contou, ainda, com o apoio de um pelotão especializado em Defesa Química, Biológica, Nuclear e Radiológica (QBNR).

Durante o exercício, cerca de 35 fuzileiros navais do Grupamento de Fuzileiros Navais do Rio de Janeiro (GPTFNRJ) realizaram uma ação cívico-social no Centro Integrado de Educação Pública (CIEPs) no CIEP 495 – Guignard, no Parque Mambucaba, Angra dos Reis. Os militares, com habilidade em obra, pintura, metalurgia e elétrica reformaram a quadra de esportes, o refeitório, a cozinha, banheiros, corredores, rampas de acesso, alojamentos e parte da área externa do CIEP.

Uma equipe de pronto emprego formada por 32 militares, entre médicos e profissionais de saúde de diversas Organizações Militares (OM) da Marinha, prestou atendimento à população nas dependências do CIEP. Foram realizados cerca de 180 atendimentos em clínica médica, pediatria e oftalmologia. A estrutura tinha a capacidade de atender 200 pacientes por dia. Além disso, dentistas ensinaram preceitos básicos de higiene bucal às crianças. Outros 15 médicos do Curso de Formação de Oficiais (CFO) acompanharam toda a ação.

No último dia de exercícios, os militares participaram de simulações de evacuação por via aérea e marítima. Uma suposta vítima radiocontaminada foi transportada por uma aeronave da Marinha para o Hospital Naval Marcílio Dias. Na Praia Vermelha, cerca de 50 voluntários, moradores da área próxima às usinas, foram evacuados em uma Embarcação de Desembarque de Carga-Geral. Em apoio aos Exercícios foram utilizados um Navio de Desembarque de Carros de Combate, um Navio-Patrulha, um Rebocador de Alto Mar, três Embarcações de Desembarque de Carga-Geral, cinco lanchas da Delegacia da Capitania dos Portos em Angra dos Reis e três aeronaves.


O Exercício Emergência “Angra 2013” foi Coordenado pelo Gabinete de Segurança Institucional (GSI) da Presidência da República, órgão central do Sistema de Proteção ao Programa Nuclear Brasileiro (SIPRON). O exercício teve as ações organizadas pelo Comitê de Planejamento de Resposta a Situações de Emergência Nuclear em Angra dos Reis (COPREN/AR).

O treinamento contou com a participação de representantes da Agência Brasileira de Inteligência (ABIN); da Eletrobras Eletronuclear; da Comissão Nacional de Energia Nuclear (CNEN); da Defesa Civil Nacional, Estadual e Municipal de Angra dos Reis e Paraty; do Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Rio de Janeiro; do Instituto Estadual do Ambiente (INEA) do Rio de Janeiro; da Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro; da Força Nacional; Polícia Rodoviária Federal; além da Marinha do Brasil, Exército Brasileiro e Força Aérea Brasileira.


Fonte: MB
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Anuncie Aqui